O Programa Escolas Solidárias Fundação EDP nasceu em 2010 com o propósito de ensinar às gerações mais novas o valor de uma cidadania ativa. De as incentivar e mobilizar para a melhoria das condições de qualidade de vida das suas comunidades, procurando ir ao encontro de grandes desafios como o combate à pobreza, o acesso à educação e à saúde e a promoção da igualdade de género e da sustentabilidade, entre outros grandes temas.

Ao longo de 9 edições consecutivas, mais de mil escolas participaram neste movimento, desenvolvendo mais de 6.000 iniciativas de cidadania, em todos os distritos de Portugal Continentes, e dos arquipélagos dos Açores e da Madeira.

O balanço é extremamente positivo e um motivo de orgulho para todas as partes envolvidas. No entanto, a Fundacao EDP decidiu agora repensar a forma como interagirá com as escolas, nomeadamente promovendo uma relação frutuosa destas com o Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia.

Daremos notícias em breve.

 

O programa Escolas Solidárias Fundação EDP é um projeto de promoção da cidadania nas escolas, que incentiva alunos do 2.º ciclo ao ensino secundário (público e privado) a envolverem-se ativamente na resolução das questões sociais que afetam a sua comunidade.

Criado em 2010 para responder aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, o Escolas Solidárias Fundação EDP lança, em cada ano letivo, os grandes desafios que o planeta enfrenta e aos quais podemos dar resposta nas comunidades onde vivemos:

. erradicar a pobreza e a fome;
. promover a sustentabilidade económica;
. garantir mais Educação e melhor Saúde;
. cuidar das comunidades mais vulneráveis;
. promover a inclusão de todos os seres humanos;
. fomentar a sustentabilidade ambiental;
. apoiar o desenvolvimento humano noutras regiões do mundo.

Ser uma Escola Solidária significa proporcionar aos alunos uma educação integral, que tem no exercício da cidadania um instrumento de desenvolvimento pessoal e social. É também criar vínculos fortes entre a população escolar, as famílias e a comunidade alargada.

Este programa, que conta com o selo oficial da Secretaria de Estado da Educação e da Direção-Geral da Educação, mobiliza anualmente dezenas de milhares de alunos e professores de escolas de todo o País.