Romy and the dogs

 

Curadoria Pedro Gadanho e Rita Marques

16 de Maio a 13 de Outubro

Cobertura do MAAT

A cobertura visitável do MAAT é uma das suas aclamadas facetas arquitetónicas, emergindo como um íman para audiências que nem sempre visitam o Museu.

Com um novo miradouro à beira-rio, os arquitetos londrinos AL_A transformaram os espaços públicos do MAAT numa experiência turística de Lisboa. Agora, o programa do Museu vem confrontar frente a frente estas fugazes audiências.

O artista francês Xavier Veilhan é o primeiro a intervir na cobertura do MAAT, com uma instalação escultórica especificamente concebida, “Romy and the dogs”, que responde às características deste espaço urbano único. Apresentando novas estátuas em alumínio fundido de uma série em curso, Veilhan propõe uma figura feminina e uma matilha de cães como os novos habitantes da quinta fachada do MAAT. Jogando com noções de escala, reconhecimento e estranheza, as figuras evocam também o modo como os artefactos produzidos digitalmente têm vindo a substituir os objetos artísticos tradicionais.

A inauguração da exposição foi planeada para coincidir com a ARCOlisboa, assinalando a primeira vez em que o público deste evento acederá ao MAAT através da nova ponte pedonal desenhada por Amanda Levete.

 

13 Maio 2019