Lisboa recebe terceira edição da Drawing Room

A terceira edição da Drawing Room Lisboa – Feira de Arte Contemporânea especializada em Desenho decorre de 14 a 18 de outubro, na Sociedade Nacional de Belas Artes e conta, uma vez mais, um o apoio da Fundação EDP.

O programa da terceira edição do Drawing Room Lisboa, apresenta uma mostra de desenho contemporâneo português, cuidadosamente selecionada: uma lista de 60 artistas que inclui a melhor representação das artes visuais nacionais, com artistas de renome e outros em início de carreira. Helena Almeida, Pedro Barateiro, Sara Mealha, Paulo Brighenti, Paulo Lisboa, Isabel Madureira Andrade, Jorge Queiroz, Rita Ferreira, Paula Rego, Manuel San-Payo, Ana Romãozinho e Pedro Tudela são alguns deles.

Atenta ao panorama atual, a 3ª edição da Drawing Room Lisboa reforça o seu papel de plataforma pioneira na valorização e comercialização do desenho. À edição presencial, que este ano destaca o desenho contemporâneo português, a Feira mostra o que há de melhor no desenho internacional contemporâneo com a edição online #DrawingRoomStore e leva as galerias internacionais a viajar pelo mundo, gerando novos projetos, vendas e relações sem se moverem do seu espaço. Dezoito galerias internacionais juntam-se às vinte galerias do Programa Geral, mais dois Projetos, para participarem na edição online da Drawing Room Lisboa.

Destaque também para a exposição “O sol de inverno: a cavalo congela a minha sombra”, uma mostra que dá a conhecer as obras de um grupo de 12 sem galeria em Portugal. Esta exposição é apoiada pela Fundação EDP que se associa uma vez mais à Drawing Room na partilha da missão de divulgar e dar visibilidade ao talento artístico, contribuindo para o reconhecimento cultural e comercial do trabalho criativo destes artistas. “A Fundação EDP associa-se, uma vez mais, a este projeto pelo seu papel na divulgação dos artistas plásticos portugueses e pela sua capacidade de atração de galerias internacionais e dos artistas que representam. A Drawing Room partilha com a Fundação EDP a missão de divulgar e dar visibilidade ao talento artístico”, salienta Miguel Coutinho, administrador e diretor geral da Fundação EDP.

13 Out 2020