Pan African Unity Mural

Autores

Jürgen Bock
Katarina Pierre
Ângela Ferreira
Arne Kaiser (design)

Editora

Fundação EDP

Ano

2018

ISBN

978-972-8909-57-4

Preço

Sinopse

Pan African Unity Mural, a instalação que Ângela Ferreira concebeu para o Project Room do MAAT, faz cruzar a sua biografia com a de Miriam Makeba, a cantora sul-africana, e George Wright, um fugitivo norte-americano. Refere-se ainda a Diego Rivera, o pintor mexicano cuja obra foi particularmente relevante para os artistas sul-africanos que se opunham ao apartheid. Ângela Ferreira, nascida e criada na então colónia portuguesa de Moçambique, foi marcada artística e politicamente pela sua experiência do apartheid durante os seus estudos e primeiros anos de prática artística na África do Sul. Uma sensibilidade decorrente da sua condição de sujeito entre-lugares, intrínseca às identidades de muitos africanos, é a força motriz da exploração profunda de noções que vão além de centros e periferias, destacando a importância da perspetiva. Pan African Unity Mural baseia-se no conceito de zona de contacto para contrariar construções de identidade simplistas.