A Fundação EDP exerce um papel ativo na identificação, classificação, proteção e valorização do património elétrico nacional. Neste domínio, é promovida a realização de projetos e assessorias técnicas no domínio do inventário, do tratamento documental e do restauro de peças e equipamentos.

Nesse âmbito, A Fundação EDP é promotora da Rede Nacional dos Museus da Energia, um projeto através do qual se procura estimular o desenvolvimento de núcleos museológicos e de centros de interpretação um pouco por todo o país. Esta rede informal é hoje constituída por duas dezenas de entidades que possuem património elétrico/energético de valor histórico e que o pretendem conservar e valorizar, abrindo-o ao público e assim explorando o seu potencial científico, tecnológico e educativo.

A Fundação EDP faz também investigação histórica com vista à produção de bibliografia que contribua para aprofundar o conhecimento sobre a historia do setor energético em Portugal.